+351 914 567 853
Onde posso instalar um jardim vertical?

O emprego da tecnologia, aliado aos novos materiais, ampliam as possibilidades de onde se pode instalar jardins verticais.

Poucos sabem, mas os jardins verticais tiveram origem em meados de 1986, através do francês Patrick Blank que é botânico e foi um dos principais idealizadores da técnica de tornar as paredes verdes, atualmente denominada jardim vertical.

O primeiro projeto de Patrick foi designado para a Cité des Sciences, localizada em Paris, ganhando repercussão mundial.

Em Berlim, ele também foi quem idealizou o jardim vertical com mais de seis mil plantas tropicais, numa área de duzentos e setenta metros quadrados, localizado no interior de uma estação ferroviária.

A técnica para instalar jardins verticais

Referida técnica teve como base a observância de plantas e musgos que sobrevivem em superfícies adversas, com pouca luminosidade, tais como cavernas, penhascos e construções antigas de pedras, as quais servem de base para fixação da vida verde.

A par dessa percepção, Patrick, que também é especialista em plantas subtropicais, idealizou a construção dos primeiros jardins verticais que se têm notícia,  mediante o uso de estrutura fixa e impermeável, mas adaptada a um sistema de irrigação por gotejamento, o que torna a vegetação instalada viva e nutrida, sem utilizar água em abundância.

Com o passar dos anos, a técnica de Patrick foi sendo disseminada mundo a fora, por se tratar de ótimo mecanismo para engajar a vida verde nas mais diversas modalidades de superfícies, de maneira segura e sem problemas com infiltração de água.

A tecnologia para instalar jardins verticais

Ocorre que o avanço da tecnologia trouxe a possibilidade de utilizar os jardins verticais em grande parte das edificações e construções, em locais antes jamais imaginados.

Isso decorre do emprego de sistemas e programas de computador para desenvolvimento de projetos e desenhos arquitetônicos, aliado à inúmeras variedades de plantas, musgos e arranjos que podem ser utilizados de acordo com local ou superfície vazia. Tratam-se, pois, atualmente de projetos personalizados e sob medida.

A título de exemplo, a Moss n Art é especialista na realização de jardins verticais, com plantas e musgos das mais variadas espécies e cores, além de materiais naturais, preservados e artificiais, estes possuindo até mesmo proteção contra raios UV e confeccionados em material fogo retardante.

Jardim vertical: um estilo de vida

Isso tudo se mostra perfeitamente afinado com o estilo de vida urbano, em que falta espaços convencionais ou designados especificamente para jardins horizontais ou vida verde, sendo que praticamente qualquer parede nas edificações podem receber jardim vertical, ou até mesmo, quadros decorativos, engajando a vida verde.

Assim, hoje esses jardins verticais são uma ótima resposta para ambientes internos e externos, seja para edificações corporativas, seja para casas e apartamentos residenciais, não importando fatores como tamanho, luminosidade, ventilação ou condições climáticas, já que são diversas as modalidades de materiais que podem se aplicados de acordo com as características e necessidades do local, ou simples desejo do idealizador.

É justamente por tal versatilidade que os jardins verticais são tendências no mundo moderno, sendo um dos grandes vetores para o paisagismo urbano, tornando-se cada vez mais presente na vida das pessoas, através de instalações em ambientes internos ou externos, possuindo relevante papel para engajar a biofilia que deve ser tida como um dos pilares da vida moderna.

Nós da Moss n Art temos o compromisso de fomentar o verde, motivo pelo qual possuímos as melhores tecnologias para desenvolver o seu jardim vertical ou quadros verdes, sempre de acordo com as peculiaridades de seu espaço e em consonância com os diversos materiais e plantas atualmente existentes.

Blog Moss N Art
Artigos recentes
Receba novidades